Minha experiência no Hackathon CPTM 2021: 3º Lugar no desafio Smart Stations for Smart Cities

Publicado em 01/11/2021

Entre os dias 22, 23 e 24 de Outubro de 2021, tive a oportunidade de participar do Hackathon CPTM 2021: Smart Stations for Smart Cities, e minha equipe conseguiu o 3º lugar com o aplicativo Atenas, uma solução que busca integrar o comercio nos entornos das estações da CPTM com os passageiros (Marketing hiperlocal) através de um app, que também serve como um guia para melhorar a viagem através de roteiros, alertas e informações gerais sobre a infraestrutura da CPTM.

Marketing hiperlocal, já ouviram falar? O marketing hiperlocal é o processo de segmentação de clientes em potencial em uma área altamente específica e geograficamente restrita. A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), ao longo de suas 07 linhas e 95 estações, atende cerca de 3 milhões de passageiros todos os dias, o equivalente a 25% dos habitantes de São Paulo. Porém os mais de 500 estabelecimentos comerciais localizados nas estações não são frequentados na mesma escala. A chance de vender para milhões de pessoas diariamente é perdida simplesmente devido à falta de fomento do marketing hiperlocal. O comerciante sai perdendo… e a CPTM também; afinal, a oportunidade de receita acessória é tangível e eu vou te mostrar como.

Como a CPTM pode transformar este problema em receita acessória e avançar na transição para Smart Stations?

Em homenagem à Carta de Atenas, documento de 1933 que preconizou o modernismo, a equipe 11 apresenta a solução Atenas: um web aplicativo que usa geomarketing, que consiste na estratégia de marketing que engloba a inteligência sobre localização para otimizar campanhas e alcançar o consumidor no local certo e na hora certa, afinal de contas temos por dia dentro das 95 estações um público que é maior que a maioria das cidades brasileiras. a CPTM já tem a estrutura de comportar as lojas existentes e poderá ampliar o recurso arrecadado com o marketing hyperlocal.

A solução apresentada usa o recurso do GPS, presente nos celulares para aumentar o recurso da CPTM com pouco investimento infraestrutural, afinal de contas os parceiros comerciais da companhia serão responsáveis por gerar o conteúdo de promoções, e o recurso atual que está concentrado na locação do espaço irá ser ampliado. Num segundo momento o APP irá favorecer os comércios do entorno que também pagarão por divulgação. A CPTM atualmente oferece o espaço e o uso com restrições do wifi, com o APP, irá oferecer o espaço virtual de divulgação tendo condições de melhorar a infraestrutura de uso do wifi, que por consequência tornará a experiência do usuário em algo excepcional.

O app ATENAS é o início da engrenagem do ciclo virtuoso, baixo investimento que gera lucro, que favorece a ampliação da infraestrutura de sensores de geolocalização ampliando a satisfação do usuário, pelo motivo de fomentar seus parceiros locais, que solicitarão mais espaço de investimento virtual de divulgação e empresas do entorno entenderá que investir em marketing irá favorecer no aumento do cliente, e a CPTM aumentará o processo de comunicação com seus usuários. A empresa sob trilhos tem em suas mãos uma solução escalável para o mundo, pois poderá oferecer a plataforma para outras companhias sob trilhos.

Hoje, geomarketing consiste em qualquer estratégia de marketing que englobe inteligência sobre localização para otimizar campanhas e alcançar o consumidor no local certo e na hora certa.

Agradecimento espcial para Aldiran, Alex, Débora, Luana e Victor, membros da equipe 11, o sucesso desse projeto se deu graças ao empenho de todos vocês, foi uma honra.


CPTM Hackathon

Junte-se a mais de 150 clientes que já estão transformando o mundo digital & mobile!

Quero um orçamento